A obra da futura sede do Corpo de Bombeiros de Bebedouro na Avenida Raul Furquim entre as ruas Guanabara e Brasil está com 70% da estrutura física pronta, e que a previsão de inauguração é maio, segundo o 1° tenente e comandante do Corpo de Bombeiros de Bebedouro, Wellington Ferreira da Silva.

Os recursos são provenientes do FEBOM (Fundo Municipal de Bombeiros), obtidos junto ao IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), e ocupará área de mais de 1.000 m². O investimento é de R$ 1.700.000,00. “O serviço do bombeiro é realizado em prontidão. Quem trabalha no atendimento de ocorrência trabalha 24h e folga 48h. É importante uma estrutura com novas instalações para influenciar no conforto e bem estar do bombeiro para refletir no atendimento a população. Logicamente, o bombeiro satisfeito com o ambiente de trabalho tende a refletir no bom atendimento da população na rua”, reconheceu Wellington. Leia mais na Folha da Cidade

Árvore inclinada próxima aos banheiros, corrimão quebrado e rampa de acessibilidade inadequada foram apontados na Praça Carlos Gomes, que fica à frente do Museu na região do Lago Artificial para a Folha da Cidade, por parte de alguns munícipes e comerciantes.

A nossa reportagem fotografou o que foi relatado. E conversou com o assessor técnico do Departamento de Meio Ambiente da Prefeitura, Aparecido Tadeu Pavani, e diretor de Obras, Gilmar Feltrin. Ambos não precisaram datas para solucionar as demandas. “Estamos locando um equipamento para fazer o corte da árvore que é muito grande e precisa de um equipamento de porte grande. É um angico que inclinou devido a ação do vento forte, provavelmente. Leia mais na Folha da Cidade

A Rotatória do Tancredão, que fica na Avenida Joaquim Alves Guimarães entre os bairros Aeroporto, Claudia e Santa Terezinha, próxima a escola João Domingos Madeira foi alvo de conduta inadequada por parte de alguns munícipes na chuva de sexta-feira (3).

115 milímetros de chuva foram registados em Bebedouro na sexta-feira (3), conforme informações obtidas pelo diretor de Obras da Prefeitura, Gilmar Feltrin junto a Defesa Civil da cidade. A equipe de Limpeza fez a retirada do material na manhã de sábado (4).

A rotatória não foi arrebentada. Mas poderia ter causado grandes transtornos, principalmente para o Comércio que fica próximo porque houve grande elevação no volume da altura da água, segundo o diretor. Leia mais na Folha da Cidade

O comportamento de parte de alguns moradores em situação de Rua, que frequentam a região do Lago Artificial, principalmente próximo à Praça Olavo Bilac, onde existe um semáforo e uma banca costuma ser alvo de insatisfação de comerciantes e munícipes. Sendo que o consumo de entorpecentes e bebidas alcoólicas, vendas, vocabulário e abordagem inadequada são as principais reclamações. 

Além desse assunto, o comandante da GCM (Guarda Civil Municipal), Luiz André Rosa Junior falou dos principais tipos de ocorrências atendidas em 2019. “Recebemos muitas solicitações para que cessem os atos. É preciso deixar claro que não existe tipo criminal no que os elementos estão fazendo. Trata-se de um caso essencialmente social, e nem a Promoção Social tem muito o que fazer nesse caso. Leia mais na Folha da Cidade

Marcelo Negro e Marcelo Olenski, respectivamente, presidente e engenheiro civil do Saaeb Ambiental falaram sobre como funciona o serviço de tapa buraco executado anualmente no município. 

A demanda mensal está na média de 800 m² de asfalto, no qual o contrato atual com a empresa vencedora da Licitação começou em agosto de 2019 e termina em julho de 2020 ou caso for feito 12 mil m², no qual ganhou por R$ 74,00, o m² quadrado executado. Sendo que até o momento foram feitos 5.314 m², totalizando R$ 393.260, 42, segundo o engenheiro. “O período em que a empresa fica é de um ano ou de 12 mil m². O que se encerrar primeiro dentro de um ano e tiver a metragem quadrada ainda sobrando, a gente faz um aditamento. Ou se essa metragem dentro do ano der 12 mil m² é encerrado o contrato. E fazemos outra licitação. Importante ressaltar que no período de chuva não temos condições de fazer o serviço porque a vala fica muito encharcada, a terra molhada, solo molhado, compactação e aderência do asfalto não ficam boa”, observou o engenheiro. Leia mais na Folha da Cidade

 

Carlos Henrique Fossaluzza, “Fossa” falou dos resultados obtidos no contexto esportivo público do município como competições, atividades, manutenções, vandalismo e projetos.

Inaugurada em maio de 2014, e inativa há muito tempo. No qual já foi objeto de inúmeras matérias da Folha da Cidade, a academia adaptada segue inativa. Sendo que não há cobertura no local, no qual a falta de manutenção como a própria ação do tempo danifica os equipamentos que estão expostos ao sol e a chuva.

Jogos Regionais em Franca e Abertos em Marília, e reunião com o prefeito Fernando Galvão e diretor de Obras, Gilmar Feltrin estão em pauta para organizar o contexto esportivo do município em 2020.  No que tange ao vandalismo, o diretor pede para que a comunidade não destrua os próprios espaços que são destinados a ela. Leia mais na Folha da Cidade

O Departamento de Habitação em parceria com a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo), informam que entre a terça-feira (14), e sexta-feira (17), das 8h30 às 17h serão entregues as senhas aos cadastrados que concorrerão as 234 casas do Jardim São Carlos.

As senhas serão entregues no Ginásio de Esportes Sérgio Baptista Zacarelli, localizado na Rua Mauro de Abreu Izique, Jardim Casagrande, Feccib Velha. Informações pelo telefone 17-3345-1396.

A diretora de Habitação, Sebastiana Tavares afirmou que com o objetivo de evitar transtornos os cadastrados serão informados via telegrama sobre as datas que poderão obter sua senha. Leia mais na Folha da Cidade

Após o prefeito Fernando Galvão afirmar na edição passada, que o município tem em torno de R$ 6 milhões para contemplar o recape asfáltico da cidade. A Folha da Cidade procurou o diretor de Obras da Prefeitura, Gilmar Feltrin, que também falou das obras de galerias no município.  

Referente aos convênios para recape contratados para esse ano que já estão licitados, segundo Feltrin serão contempladas as Ruas Eurico Medeiros, Bento Maria e José Bergantini, XV de Novembro e Nossa Senhora de Fátima, e o Jardim União. E lembrou de bairros que foram contemplados como Souza Lima, Residencial Bebedouro, Centenário, Laranjeiras, Casagrande, Cruzeiro, Alvorada, Califórnia, Vila Paulista, Residencial Franciscano, São Sebastião, Eldorado, Boa Vista, entre outros. Leia mais na Folha da Cidade

A Folha da Cidade, por meio do Programa de Entrevistas “Sinta-se à Vontade”, recebeu o prefeito Fernando Galvão (DEM), no qual a íntegra poderá ser conferida pelo Facebook, no perfil FCTV web.

Funcionalismo Municipal, Sasemb, Estação Cultura, Centro de Convenções “Leopoldo Pinto Uchoa”, no Tancredão, Cemitério, IML, Aterro Sanitário, Vicinais, Asfalto, Alagamento, Dívida do Município, Acessibilidade, Parque Ecológico, Horto Florestal, Saúde, Frota, Legislativo, Cargill, Segurança, Esportes, Reativação da Linha Férrea e Estação de Esgoto estiveram entre os assuntos explanados. 

Galvão agradeceu a Folha da Cidade pela oportunidade, no qual a nossa equipe retribui a gratidão pelo convite atendido. Através de uma parceria com a USP de Ribeirão Preto, o município contratou um estudo para elaborar o Plano de Carreira do funcionalismo municipal, de acordo com o prefeito.

No que tange a dívida com o Sasemb até por existir uma preocupação da aposentadoria dos servidores municipais no futuro. Ele tranquilizou que não há riscos de qualquer benefício previdenciário ser prejudicado. E que o valor exato da dívida está sendo analisado na Justiça. Leia mais na Folha da Cidade

Marcelo Negro, que há nove meses está na função de presidente do Saaeb Ambiental falou dos investimentos que foram e serão feitos na autarquia. Call Center, treinamentos, reservatórios e site. 

O Call Center consiste no Centro de Atendimento com 0800 no horário comercial. “Devido à dificuldade de comunicação com a população. Vamos melhorar isso nesse ano. Vai melhorar bastante o nosso tempo de resposta. É melhorar o fluxo de diálogo com o nosso contribuinte. O Call Center já vai acionar diretamente o setor responsável. Será aberto um canal de whatsapp na empresa e quem fizer reclamação pelo Call Center e tiver o whatsapp cadastrado vai receber a foto do serviço concluído informando data, hora, local e tudo mais. A previsão é para fevereiro”, diz Marcelo. Leia mais na Folha da Cidade

FCTV Web