De acordo com a Secretaria de Saúde de Bebedouro, uma bebedourense faleceu no Hospital São Judas Tadeu, localizado em Barretos. A mulher que estava internada em Barretos, passava por tratamento paliativo contra um câncer de palato, local onde apresentou os sinais do Covid-19 e veio a falecer.

O caso foi registrado em Bebedouro, pois a paciente era natural do município, apesar do falecimento ter ocorrido na cidade vizinha, local onde foi realizado o exame de Covid-19. Segundo a Vigilância Epidemiológica até o fechamento dessa edição, o município registrou 35 casos positivos de Covid-19, no qual 10 de outras cidades. Dos 186 casos notificados na cidade, 139 já foram descartados, sendo 27 de outros municípios, e 12 suspeitos ainda aguardam os resultados dos exames.

Entre os casos confirmados, nenhum paciente internado em caso grave, e cinco considerados leves. E 20 pessoas já estão recuperadas do vírus. Não havendo nenhum óbito registrado. Nem todos os casos confirmados precisam ficar internados. Os demais pacientes estão em isolamento domiciliar. Passaram por atendimento médico e estão sendo acompanhados. Existem casos mais leves da doença. “Quando falamos dos casos de fora não significa que não teve contato com Bebedouro. São pessoas que foram atendidas aqui. Rede pública e particular atendem pessoas da microrregião. Tivemos pessoas internadas e que tiveram alta em Bebedouro. As pessoas confundem um pouco. As notificações são um protocolo obrigatório. Os exames são coletados aqui. Aqui em Bebedouro não tem “achômetro e chutômetro”. É tudo orientação médica para tomarmos as medidas. Não temos óbitos devido as medidas que tomamos desde o começo. Pode acontecer a qualquer momento o anúncio de uma morte por Coronavírus como tem acontecido no país inteiro”, observou o prefeito Fernando Galvão. 

No que tange as medidas de contenção no transporte coletivo. “Funcionando muito bem e trabalhando de forma reduzida o transporte coletivo. Proibimos crianças e idosos. Não é permitido. Não adianta insistir. Motorista e cobrador impedem a entrada. Existe um grande risco. O frio chegando. Tomamos decisões com bastante cautela. Todo mundo tem que usar máscara. Vidas tem que ser protegidas dentro e fora dos ônibus. É difícil se acostumar com o uso de máscara, mas é importante se adaptar à realidade. Rodoviária continua com as atividades fechadas. Não há possibilidade de retorno no momento”. 

Transporte interurbano. “Em Ribeirão Preto temos um volume enorme de casos. Bebedouro tem proximidade de Rodovia. Isso é extremamente perigoso. Vamos se preservar e a gente tem tentado fazer o máximo. Queria que tudo voltasse a normalidade, mas o pior é perder vidas”.

Galvão afirmou que gostaria de fazer a inauguração de algumas obras com a presença da comunidade e das autoridades, porém, enfatizou que o momento é inviável até em virtude da aglomeração que essas ocasiões proporcionam. “Vamos erguer a cabeça, ter otimismo e não se entregar. Sabemos das dificuldades financeiras. Não temos que se entregar aos problemas. Temos que buscar soluções. Por live no aniversário da cidade fizemos pré-inauguração das obras como a sede dos Bombeiros pela Avenida Raul Furquim, escola Patrícia Barrichelo Lança, no Jardim São Fernando, que é uma creche que está pronta, Posto de Saúde no Jardim São Carlos, e Hospital Regional. Apesar da pandemia mostramos para Bebedouro o que tem sido feito. Devido a necessidade do distanciamento muda a forma de agirmos”.

Ainda reconheceu as dificuldades econômicas de diversos segmentos, entre eles, Academias, e o desejo de muitos pelo retorno dos eventos religiosos. “Sei que é difícil, o Comércio quer voltar à normalidade. Pedimos para que o distanciamento continue sendo feito. Tenham consciência e não adianta a gente ficar falando e a pessoa não colocar em prática. Fazemos tudo que tem que ser feito. Damos proteção, máscara, álcool gel. É tudo uma questão de segurança e proteção para todos. Evite conversar muito. Fundamental usar as proteções.  Não podemos correr o risco de explosão de casos, e depois não darmos conta na Saúde Pública e na Privada. Nenhuma Saúde no mundo está dando conta. As nossas decisões são tomadas com muita responsabilidade para ajudar as pessoas, mas também não prejudicar totalmente. Tentar equacionar para chegar no meio termo. Não podemos voltar tudo na normalidade e começar o risco de morrer gente”. 

Cemitério - A Prefeitura, por meio da Vigilância Epidemiológica e Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), realizou a entrega de Equipamentos de Proteção Individual aos funcionários do Cemitério Municipal, na quinta-feira (7), no Cemitério.

Os funcionários receberam macacões, luvas, botas, óculos, proteção facial e álcool em gel 70%, com o objetivo de preservar a vida de quem executa os trabalhos no setor. Na ocasião o prefeito juntamente com a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Thais Teixeira, e o engenheiro de segurança do trabalho do Sesmt (Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho), Marcel Medeiros, orientaram os funcionários. “Essa ação é fundamental, pois, protege nossos profissionais que executam um trabalho de extrema necessidade. Queremos que todos atuem com segurança e tranquilidade, mantendo a saúde integralmente”, ressaltou o prefeito.

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica, observa que esses equipamentos auxiliarão os funcionários, especialmente caso ocorra algum óbito onde a causa seja o Covid-19. Durante a pandemia o Cemitério Municipal, está atendendo o público das 7h às 12h. Informações pelo telefone (17) 3343-3668.

Higienização - A Garagem Municipal na quarta e quinta-feira (13 e 14), realizou a higienização com cloro nas ruas do Jardim  Alvorada, Califórnia, Três Marias e Estoril.

Esse serviço já foi executado no Centro de Bebedouro, Vila Paulista, Bom Retiro, Tropical, União, Jardim Centenário, Eldorado, Jardim Sanderson, Elizabeth, Alvorada, Califórnia e no comércio local onde há maior circulação de pessoas. Também, já passou pelas ruas dos distritos de Botafogo e Turvínea, além de Andes. E terão continuidade em todos os setores da cidade, visando à saúde de toda a população.

A higienização com o cloro já foi feita no Hospital Municipal de Bebedouro e todas as unidades de saúde. Os supermercados também foram higienizados com cloro. A ação foi executada utilizando um trator e uma bomba pulverizadora cedida pela Coopercitrus, aplicando cloro com o objetivo de garantir a segurança de todos contra o Covid-19.

Cerimônia suspensa - O Posto de Recrutamento Militar, por meio, da Junta de Serviço Militar de Bebedouro informa aos jovens nascidos em 2001 ou anos anteriores, dispensados do Serviço Militar, que fica suspensa até o dia 30 de junho, a cerimônia de compromisso à Bandeira Nacional e a entrega de Certificados de Dispensa de Incorporação (CDI), que seria realizada no Tiro de Guerra 02-006.

Segundo o secretário da Junta Militar, Ilson Machado Campos, a suspensão pode ou não ser prorrogada. “Tal medida é necessária para evitar aglomerações de pessoas e a disseminação do Covid-19”.

Informações pelo telefone 17-3342-1529, de segunda a quinta-feira das 13h às 16h30, e as sextas-feiras das 8h às 11h30, ou diretamente no Junta Militar, localizada na Praça 09 de julho, 121, Centro.

 

 

Prefeitura, CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo) e Construtora Sousa Araujo reuniram-se no Paço Municipal na quinta-feira (14) para acertar os detalhes finais da obra das 234 casas do Jardim São Carlos. No qual os contemplados foram anunciados em sorteio na Feccib Velha, conforme já divulgamos. 

Mesmo que ocorra a pandemia da Covid-19, dúvidas e ansiedades são frequentes. Porém, ainda não houve a entrega pela necessidade de evitar aglomeração e expansão do vírus. O investimento é de R$ 20.705.865,91, que vai desde a construção das 234 unidades até a infraestrutura, que envolve asfalto, pintura, iluminação, água e esgoto. “ “Na reunião tratamos da parte final da obra como a parte técnica de infraestrutura. Ainda vamos divulgar as datas para o sorteio dos endereços dos contemplados e também a entrega”, disse a diretora de Habitação, Sebastiana Tavares. Leia mais na Folha da Cidade 

O Hospital Regional terá 10 novos leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo). A previsão é 60 dias, de acordo com a assessoria do deputado federal Geninho Zuliani (DEM), conforme via emenda parlamentar. 

A previsão de entrega do Hospital, conforme comunicado da sua assessoria, é até o final desse ano. De acordo com o deputado é necessário concentrar esforços para auxiliar e fortalecer ao máximo as Instituições de Saúde, não apenas para o combate da Covid-19, mas para todas as outras lutas que são travadas todos os dias dentro dos hospitais. 

A diretora de Saúde, Sonia Junqueira e o prefeito Fernando Galvão emitiram as suas opiniões tanto a respeito do Hospital Regional quanto do Postinho de Saúde no Jardim São Carlos. Leia mais na Folha da Cidade

Com investimento de R$ 1.700.000,00, a futura sede do Corpo de Bombeiros, próxima ao Hospital Municipal Julia Pinto Caldeira e Rodovia Comendador Pedro Monteleone está prestes a entrar em operação, a partir de junho, segundo o prefeito Fernando Galvão.

A nova sede ocupará uma área de mais de 1.000 m². O 1° tenente e comandante do Corpo de Bombeiros de Bebedouro, Wellington Ferreira da Silva falou do assunto. Além de estar reunido durante a semana com o comando do Corpo de Bombeiros, Galvão informou que o município segue na busca da implantação do SAMU na atual sede, que fica na Avenida dos Antunes, próxima a Base da Polícia Militar. A secretária de Saúde, Sonia Junqueira falou do município em habilitar a atual sede em SAMU junto ao Ministério da Saúde. Leia mais na Folha da Cidade

Após muito tempo sem utilidade em virtude do fechamento das atividades do Supermercado Laranjão. A sede que foi alvo de abandono e vandalismo, conforme divulgamos em diversas edições será ocupada pela rede de Supermercados Iquegami. 

O prefeito Fernando Galvão afirmou que apesar de todas as dificuldades atuais, é necessário seguir em frente criando oportunidades. “Entre nossas conquistas, merece destaque o investimento por parte do Supermercado Iquegami no valor de R$ 2 milhões, e a criação de 100 empregos diretos, além do anúncio da construção de outra unidade no valor de R$ 10 milhões, que irão gerar aproximadamente 200 empregos. Empresa que também ficará responsável pela reforma de todo o Mercado Novo, sem a necessidade de uso de dinheiro público”. com a gente”, diz Rogério Valverde, diretor de Planejamento da Prefeitura. Leia mais na Folha da Cidade

O oftalmologista André Luiz Parolin Ribeiro afirmou que o Coronavírus pode ser transmitido pelos olhos, sendo que existe estudos em que pode ser contraído pelos olhos, no qual a transmissão mais comum ainda é pela tosse, nariz e boca.

O médico enfatizou a relevância da prevenção. “Tem que usar a máscara para que não tenha mais transmissores da doença. Não por apenas para não pegar, mas para também não passar. Passa por uma questão de consciência até em nível mundial. O grande problema hoje são os assintomáticos porque a pessoa quando está doente e no Hospital. E todo mundo sabe as pessoas estão se protegendo. A pessoa doente quando não está no Hospital, ela fica trancada em casa, e sabe que não pode ter contato com os outros. O problema são as pessoas que não sentem nada ou as pessoas que estão no período de incubação”, orientou o oftalmologista. 

Ele falou do período de incubação. “É o período em que a pessoa tem o contato com uma pessoa doente, pega o vírus, e não desenvolve e nem sente nada. Esse período de incubação pode variar de dias até duas semanas. Imagina uma pessoa saudável, independentemente da idade. O período de incubação pode acontecer com qualquer pessoa. Ao poder demorar até duas semanas para desenvolver, se ela por exemplo não usar máscara, porque não vai ficar presa em casa de quarentena no quarto sem saber que tem o problema. Se não usar máscara pode passar para todos os contatos em potencial”. 

No que tange a probabilidade de contágio. “Às vezes as pessoas usam as máscaras para se proteger. O que de fato é necessário e verdadeiro para se proteger. Mas é importante que todos usem a máscara. Tem pessoas que vão ter a gripe. A maioria das pessoas vão ter a gripe, e nem vão saber que tiveram a gripe. Tem estudos que falam que de cada uma pessoa que procura o Hospital. Tem estudos que variam de oito a 12 pessoas que estão circulando na rua, e que estão muito bem. O problema não são as pessoas que estão internadas no Hospital. Temos que torcer para ficarem boas. Bebedouro é uma cidade exemplo, não teve um óbito até agora. Vamos torcer para que continue assim. As pessoas precisam se conscientizar de usar a máscara”, comentou o médico na manhã de quarta-feira (6).

E fez um alerta para não expandir a doença. “Se tem uma pessoa doente, e está conversando com uma pessoa que não está doente. Se ela estiver de máscara, a possibilidade de passar a gripe é menor do que se ela estivesse sem máscara, e a pessoa que estiver conversando com ela estiver de máscara. E se os dois estiverem de máscara, a possibilidade cai quase a 0. É uma taxa muito pequena. Se todos nós estivermos de máscara não vai afetar a gente. A pessoa fala que não está doente, e não tem idoso e criança em casa, e nem está no grupo de risco. A doença pode dar voltas. Uma cidade pequena como a nossa pode estar doente e não sentir nada, passa para alguém que é colega. Esse colega vai passar para alguém e para outros, e a doença pode voltar para dentro da casa dessa outra maneira. Ou seja, via outras pessoas.

Ainda fez um apelo, e informou a média de transmissão, que pode até ampliar. “Se a pessoa transmitir a doença para uma pessoa, ela pode transmitir para mais três que é a média da transmissão. Aí vai aumentando a transmissão, e pode haver várias complicações. Protejam seus pais e entes queridos. Usem a máscara”.

Doença nos olhos que pode ser sintoma de Coronavírus. “Essa gripe pode se manifestar nos olhos como uma conjuntivite normal provocada por um vírus. Ela não deixa nenhuma sequela nos olhos. Em alguns casos pode ser o único sintoma da doença. É uma coisa que faz parte do quadro. Pessoas que têm conjuntivite nessa época devem ficar em quarentena. E na medida do possível realizar o teste para o coronavírus para realmente ter uma certeza e isolamento que deve seguir”. Se a conjuntivite incomodar muito. “Deve procurar o oftalmologista para se certificar se é isso mesmo, e quais as condutas de tratamento que devem ser feitas em relação aos olhos”.

Em termos de pesquisa científica, o médico reconheceu que a causa Coronavírus é uma situação nova. “Demora um pouco para fazer um estudo maduro, e ocorrer publicações. Atualmente os tratamentos feitos são mais a nível do que se observou dos lugares que já tiveram. As pessoas fazem o que já deu algum resultado. Tenho impressão que a experiência se tornou tão grande, que realmente as pessoas que tem uma assistência, e que não tenham outras doenças associadas, se recuperam muito bem com os tratamentos que são feitos hoje”.

E por fim, apontou as recomendações do CBO (Conselho Brasileiro de Oftalmologia), que caminha de acordo com as instruções dos demais órgãos competentes da Saúde. “Foi determinado para termos um cuidado maior no atendimento. Limpar os aparelhos com álcool ou outra substância após a cada atendimento. Limpar as mãos e usar os EPIs, máscaras tanto do paciente quanto do médico. E recomendações geias no sentido de aumentar a vigilância sobre a higiene como a lavagem de mãos, que são coisas que fazemos rotineiramente. Faz mais de 15 anos que me formei e nunca peguei conjuntivite. Orientamos as pessoas a virem de máscara. Disponibilizamos álcool gel, diminuímos a quantidade de atendimento e respeitamos o distanciamento para evitar aglomerações. Estamos tomando todos os cuidados para evitar algumas situações que possa colocar em risco os pacientes e a nossa equipe”.

A Vigilância Epidemiológica informou que o município vem apresentando bons resultados no combate ao Covid-19, tendo sucesso tanto em relação à prevenção ao vírus, como a cura de pacientes, que ainda manterá isolamento monitorado.

No final de abril divulgamos a alta do paciente Fauzi Sammour. O paciente da vez é Ricardo Ducatti, sendo que nas redes sociais circulou vídeo com profissionais da Saúde no Hospital Unimed, o aplaudindo após receber alta na quinta-feira. 

Segundo a Vigilância Epidemiológica até o fechamento dessa edição, o município registrou 27 casos positivos de Covid-19, no qual nove de outras cidades. Dos 160 casos notificados na cidade, 126 já foram descartados, sendo 25 de outros municípios, e sete suspeitos ainda aguardam os resultados dos exames.

Entre os casos confirmados, nenhum paciente internado em caso grave, e três considerados leves. E 15 pessoas já estão recuperadas do vírus. Não havendo nenhum óbito registrado.

Nem todos os casos confirmados precisam ficar internados. Os demais pacientes estão em isolamento domiciliar. Passaram por atendimento médico e estão sendo acompanhados. Existem casos mais leves da doença.

Empatia - Com o objetivo de auxiliar no bem estar psicológico dos profissionais da Saúde Municipal que estão atuando na linha de frente contra o novo Coronavírus, e demais funcionários municipais, a empresária Silene Paes, iniciará de forma voluntária e gratuita atendimentos terapêuticos de Fisioterapia Integrativa. Esse auxílio será realizado com horário agendado no consultório da fisioterapeuta, em anexo a academia, localizada na Rua Jaboticabal, 461, Jardim Ciranda.

A voluntária explicou que essas técnicas fortalecem e equilibram o sistema imunológico, prevenindo picos de estresse e ansiedade. “Médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e outros colaboradores de hospitais tem vivido uma rotina de incertezas e desafios diários. As doenças e problemas de saúde não deixaram de existir e o setor foi sobrecarregado com a pandemia do Coronavírus. Antes de profissionais de qualquer área, temos seres humanos vivendo situações de extremo estresse, ansiedade e medo, e isso diminui a imunidade. As técnicas vão auxiliar os profissionais a mudarem a percepção perante o impacto que estão vivendo, cuidando assim da saúde pessoal”, afirmou a empresária.

Devido essa situação causada pelo Coronavírus, os profissionais da saúde intensificaram ainda mais seus trabalhos. A Saúde já vem prestando auxílio psicológico, e com a opção de mais um apoio por parte da voluntária, tem ainda mais forças para superar essa fase, atendendo melhor a população, segundo a Secretaria Municipal de Saúde.

Além da distribuição de máscaras, o município disponibilizou álcool gel para os munícipes que estão buscando o auxílio financeiro da Caixa Econômica Federal, visando à segurança de todos.

Auxílio emergencial - O diretor do Departamento de Planejamento, Rogério Valverde, ressaltou que a Prefeitura montou estrutura composta por tendas, cadeiras e água para a hidratação das pessoas, visando o conforto a quem busca o auxílio em questão. “O prefeito Fernando Galvão, determinou que o Departamento de Planejamento, juntamente com os demais setores, providenciasse a estrutura na Praça Visconde do Rio Branco, Concha Acústica, para garantir a segurança e o conforto da população. Local onde as pessoas podem aguardar o atendimento bancário confortavelmente, e em segurança”, diz o diretor.

Serviços - A Prefeitura ressaltou que estão sendo realizados os atendimentos de protocolos em um balcão instalado na área externa da escadaria em frente ao paço municipal. Já questões ligadas ao Departamento de Arrecadação e Tributos, serão atendidos em um balcão na área externa da porta dos fundos da Prefeitura.

O diretor do Departamento de Planejamento explicou que esses atendimentos são necessários devido à suspensão dos atendimentos presenciais no paço municipal, com o objetivo de evitar a proliferação do Covid-19. “O balcão frontal será utilizado somente para o atendimento de protocolo de documentos e solicitações. Já assuntos ligados a pagamento de IPTU, taxas e tarifas, somente no balcão dos fundos. Esses serviços estão à disposição de quem necessita, mas é aconselhável que as pessoas procurem os serviços presenciais caso seja extremamente necessário”, comentou o diretor.

Informações pelo telefone 17-3345-9100, ou pelo endereço eletrônico do protocolo emergencial: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

Decreto - Em obediência a decreto estadual, o município estabelece o uso de máscaras. Após confusão na cidade, e principalmente em redes sociais, o prefeito Fernando Galvão esclareceu que crianças e idosos continuam proibidos de entrarem nos ônibus. E que esse público pode circular nas ruas, porém, em caso de extrema necessidade, e com uso de máscaras. Ainda aproveitou para informar que atividades de drive thru, delivery ou retirada após às 23h estão permitidas. 

O Albergue Noturno Samaritano, que faz parte da estrutura do Caecc (Centro Assistencial Espírita do Calvário ao Céu) está com atendimento suspenso por tempo indeterminado em razão da pandemia da Covid-19.

Procuramos o presidente Fábio Braga, e assim como na recente parceria com o Departamento de Promoção e Assistência Social da Prefeitura, na qual publicamos na edição de 11 de abril, ele atendeu a Folha da Cidade, preferiu não ceder entrevista, e direcionou a nossa reportagem a diretora Elaine Lucas, que se manifestou tanto na ocasião em questão como na presente edição.

Devido à complexidade do caso, há quem concorde com o atendimento suspenso do Albergue noturno, e há quem discorde. A nossa finalidade é sempre informar de acordo com as fontes que temos acesso. Fique por dentro da situação. Leia mais na Folha da Cidade

Dois motociclistas chocaram-se pela noite de segunda-feira (4). A colisão entre as motos vitimou Igor Lima Gomes, 19, solteiro. O fato foi no Jardim Talarico, próximo à Rodovia Armando Sales Oliveira. 

Em cada veículo tinha um motociclista. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ambas as vítimas foram encontradas inconscientes. Os militares imobilizaram, e contaram com o apoio da Ambulância Municipal. Eles foram levados para o Hospital Municipal Julia Pinto Caldeira. O fato provocou comoção na cidade e nas redes sociais durante a semana.  Leia mais na Folha da Cidade

A Semeb (Secretaria Municipal de Educação de Bebedouro), em parceria com as empresas Solfarma, éLi Soluções e o SBT, iniciaram na segunda-feira (4), as vídeo-aulas do projeto, “Educando com o Coração”. 

O projeto foi ao ar pelo SBT, as segundas-feiras, quartas-feiras e sextas-feiras, das 7h45 às 8h, sendo destinado aos alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental. O secretário da Semeb, Rodolfo Rodrigues entende que nada substitui a relação física com os professores, sendo que a situação, além de nova e complexa exige esforços conjuntos, sendo preciso cumprir as orientações por parte do Ministério da Saúde, em relação ao distanciamento social, com o objetivo de evitar a proliferação do Novo Coronavírus. Leia mais na Folha da Cidade

FCTV Web