Pela tarde de quinta-feira (18), o prefeito Fernando Galvão em live exibida no perfil da Prefeitura no facebook, anunciou as novas medidas para o Comércio, Academias, Bares, Supermercados, Restaurantes e Bebedouro Shopping. As regras entram em vigor, a partir de hoje (20), segundo o diretor de Planejamento, Rogério Valverde. 

O decreto com as medidas é o 14.169, publicado em Diário Oficial. Sendo que as medidas anunciadas pelo prefeito são que Bares, Restaurantes, Sorveterias e similares permanecerão fechados, autorizando Delivery e Drive Thru. Já o Comércio vai voltar a funcionar de portas fechadas com o atendimento externo. Porém, sem abrir a sábado e domingo, ao iniciar a partir de hoje, e vai funcionar apenas os serviços essenciais. “A nossa equipe esteve nas ruas Comércio da cidade, e várias pessoas com febre transitando. É um absurdo. Pessoas com 38.5. Olha se isso não é uma irresponsabilidade. Criança não é para ficar em fila de Lotérica, Comércio e de Banco. Vamos fazer atendimento de balcão, não leve criança para o Comércio. Evita, é extremamente importante para a família”, comentou Galvão. 

Shopping, Mercados e Galerias tem o mesmo tratamento que o Comércio, com Delivery e Drive Thru, no qual funcionários atendendo internamente, porém, na porta dos estabelecimentos. Em relação aos supermercados é colocar um cliente a cada 10 metros quadrados, no decreto anterior era um cliente para cada cinco metros quadrados, o que faz diminuir em 50 por cento, o público em supermercados, e uma pessoa para cada família. Está incluída a medição de temperatura para todos os supermercados. Os clientes entram medindo a temperatura e os supermercados estão orientados, e se estiver com temperatura acima de 37.5 graus não pode deixar entrar. E está proibida a entrada de crianças. 

Restaurantes no Shopping e similares do Shopping, Delivery e Drive Thru. Academias estão com as atividades suspensas devido a determinação do Decreto Estadual em que Bebedouro e região tem a obrigação de cumprir, de acordo com o prefeito.

Ele afirmou que várias reuniões foram feitas com diferentes segmentos, e que foi necessário retroceder, sendo que cidades da região tiveram ações judiciais com determinações de Tribunais. “Criamos alternativas e cumprimos as determinações da Justiça. A determinação era para fechar todo o Comércio, mas temos que criar um meio termo, e que não ocorra aglomeração de pessoas. Não abrir sábado e domingo é para evitar aglomeração e tentar controlar um pouco esse momento tão difícil. Em supermercados, é claro que na parte e fora pode ter as filas. Mas é melhor que seja da parte de fora, arejada do que eventualmente dentro do supermercado. Entrar um de cada vez por família. Não está agradando a família. Está colocando em risco a própria família. Tem pessoas que chegam de carro, o parente entra. Dá a volta, espera entrar o parente, dá uma volta, entra outra pessoa, e todos se encontram dentro do supermercado. Burlar decreto e lei para prejudicar a própria família. Não existe. Por favor, vá ao supermercado, uma pessoa por família. Faça as compras normalmente e cumpra as exigências sanitárias. Pode ter muita gente assintomática se aglomerando em lugares. E isso é impossível fiscalizar. De que jeito vai fiscalizar uma pessoa que põe em risco a própria família? Isso não vale apenas para supermercados. Vale para todos estabelecimentos. Vamos sair dessa se cumprirmos todas as regras”.

Como era de se esperar, opiniões favoráveis e adversas repercutiram no município. Cabe ao leitor tirar as suas conclusões, e a Folha da Cidade apenas informar ao invés de julgar. Também temos a finalidade de incentivar a prevenção contra o Coronavírus. Até o término dessa edição, a cidade estava com 100 casos confirmados, e cinco óbitos. Ainda citou que Barretos apresenta mais de 550 casos, e aproximadamente 20 mortes. Ribeirão Preto, cerca de 3 mil casos confirmados, e 85 mortes. “Os casos confirmados em Bebedouro, incluem os de Bebedouro e região, mas que todos os exames são feitos em Bebedouro. Número expressivo, porém, não de um descontrole total como tem acontecido em outras cidades da região, mas um número que simboliza a força desse vírus. Não vivemos isolados em uma ilha. Bebedouro apesar de todo o trabalho que tem feito tem conseguido controlar de uma maneira diferente, mas estamos em uma região com muitos problemas. Estamos em um momento muito delicado e difícil, e que nos exige muita responsabilidade, cautela, coragem e determinação. Não é fácil tomar medidas como essas. Estamos mais controlados que outras cidades, mas corremos riscos também. Não temos outra alternativa. Temos que encarar essa realidade de frente. Que Deus abençoe a nossa cidade, e que a gente cumpra as restrições. Para vencermos depende de todos, e não somente do Poder Público. Vamos vencer essa guerra, se Deus quiser”. 

 

Fiscalização - Outras regras foram citadas pelo diretor de Planejamento, sendo que profissionais autônomos, prestadores de serviço apenas podem trabalhar internamente, e em caso de extrema necessidade, mediante atendimento individual. “Tomando todas as cautelas necessárias de higienização e proteção própria, familiar e dos clientes”, diz Rogério. “Não conseguimos fiscalizar 80 mil pessoas de uma vez. Depende de uma conscientização muito clara de cada um. A Prefeitura continua fazendo a parte dela. Desinfectamos ruas, fazemos higienização e distribuindo máscaras. E a fiscalização vai ser forte. Se tiver que lacrar, não teremos outra alternativa. Oficinas mecânicas, padarias e farmácias são serviços essenciais que podem e estão autorizados a funcionar. Padarias tem que tomar cuidado no atendimento em mesas porque seguem as mesas determinações de bares e restaurantes”, analisou o prefeito.

Comerciantes ambulantes podem permanecer em locais onde estão autorizados pelo Poder Público a funcionarem, porém, sem qualquer tipo de mesa ou cadeira. “Somente sistema Drive Thru ou Delivery”, disse Rogério.

O diretor reforçou a proibição de eventos de qualquer natureza. “Estamos tendo muita dificuldade, porém estamos trabalhando de forma dobrada para impedir essas festas clandestinas em edículas e locais alugados para fazer aglomerações. Fechamos vários estabelecimentos nos últimos dias, e vamos continuar fechando. Não desafie o Poder Público. Estamos preparados para que isso não aconteça. Portanto, tenha respeito a regra e determinação legal porque se não respeitar através das nossas forças todas ligadas a própria Vigilância Sanitária, Defesa Civil, Guarda Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e toda nossa equipe de Segurança Pública já está preparada para que não aconteça. Tenha paciência e espere, e quando isso passar façam as festas. Nesse momento peço encarecidamente para não fazer festas, e nem desrespeitar as regras que estão vigentes. O Sambódromo continua fechado. Será aberto apenas aos domingos para a realização da Feira Thru. O fechamento e vias do Lago será necessário em dias que podem gerar aglomeração. Fica a cargo da Guarda Civil Municipal. A Rua Cel. João Manuel vai continuar impedida justamente para evitar aglomerações”.

 

Religião - Por determinação de decreto estadual assim como todas as medidas judiciais que foram colocadas para o município, Igrejas e Templos Religiosos permanecerão fechados. Somente com autorização das Secretarias e Escritórios para as atividades internas. “Pedimos encarecidamente. Esse é um momento de muita união. Momento em que as orações precisam existir mais do que nunca”, considerou o prefeito.

 

Óbito - Luiz Silvio Sessa, 68 anos, morreu na segunda-feira (15). O fato causou comoção na cidade e nas redes sociais. A médica e esposa Rita Simões deu seu parecer em rede social. “Perdi meu querido marido hoje, aos 68 anos de idade, após uma luta de quase 90 dias em hospital na tentativa de vencer a Covid-19. Que a saudade e a dor que estamos sentindo hoje possam se minimizar com o tempo. Que a semelhança dos filhos com ele seja suficiente para amenizar essa saudade e que nosso amor por ele seja sentido onde ele estiver, intensamente”.

Independente de classe social, registramos os nossos sentimentos aos familiares e amigos, de quem faleceu, e que infelizmente está sujeito a vir a óbito. Esclarecemos que publicamos nomes, ou fotos, sendo esse se houver espaço, conforme acesso as fontes pesquisadas ou entrevistadas. Caso contrário, impossível. Vale recordar que o prefeito em live, afirmou que por questão de respeito, o município não divulga nomes e nem detalhes no caso de surgir alguma morte. Ainda ressaltou que se algum munícipe que mora em Bebedouro, morrer fora da cidade, o óbito é contabilizado pelo Ministério da Saúde no município em que reside. No qual, inclusive divulgamos a respeito desse detalhe. 

A Secretaria de Desenvolvimento e o Departamento de Habitação da Prefeitura teve mudança em seus comandos. Respectivamente, Lucas e Seren e Sebastiana Tavares confirmaram as suas saídas, sendo que ambos buscam cargo eletivo, a partir das eleições no segundo semestre.

Lucas confirmou a sua pretensão para prefeito. Já Sebastiana afirmou que aguarda a definição do PSD para definir se concorre no Legislativo ou Executivo. Rogério Valverde do Planejamento acumula função e entra no lugar de Lucas. Até o final dessa edição não havia decidido quem assume a direção da Habitação. “ O Rogério Valverde está preparado, além de me acompanhar de perto nos trabalhos. E o prefeito Fernando Galvão busca economizar nesse tempo de crise. Leia mais na Folha da Cidade

Os vereadores aprovaram na segunda-feira (15), a perpetuação da Feira Livre na Praça Valêncio de Barros, popularmente conhecida como “Praça da Prefeitura”. Com a aprovação do projeto, após o término da pandemia a feira voltará para o seu local habitual.

De acordo com a propositura, somente um motivo devidamente justificado poderá retirar a feira do local, como a pandemia por exemplo. A iniciativa partiu do vereador Paulo Bola (MDB) e teve apoio dos demais vereadores. Enquanto não termina a pandemia, a Feira Livre continua como Feira Drive Thru no Sambódromo aos domingos. 

Bola, ressaltou que a Feira Livre é feita há muito tempo no mesmo local, e que representa um dos métodos mais antigos de comercialização de produtos agrícolas, além da qualidade e o preço em conta em relação aos supermercados. Leia mais na Folha da Cidade

Junho celebra-se a Prevenção de Quedas em Idosos. Fato que acontece frequentemente, sendo que divulgamos inúmeras vezes os registros do Corpo de Bombeiros. Nessa edição apresentamos o olhar da Fisioterapia, por meio de Geraldo Custodio Junior.

O fisioterapeuta afirmou que entre as várias situações que acometem a população idosa, as quedas talvez seja um dos mais incapacitantes e preocupantes. E que podem levar a uma queda, a falta de equilíbrio, riscos ambientais e medicação.

Geraldo enfatizou que muitas vezes não há percepção do ambiente que o idoso vive, no qual pode facilitar um episódio de queda. Além de exercícios físicos, colocar barras de apoio, boa iluminação, pisos antiderrapantes, não utilizar tapetes, e nem deixar objetos espalhados pelo chão estão entre condutas de prevenção. Leia mais na Folha da Cidade

A assinatura do Decreto Municipal 14.165 de 10 de junho de 2020, estabelecendo medidas preventivas e de seguranc?a no enfrentamento do novo coronavi?rus foi assinada pelo prefeito Fernando Galvão.

Apesar de o município ter sido rebaixado pelo Governo Estadual, para a fase 1, na qual faixa vermelha, considerada a mais restrita no planejamento do retorno gradual da Economia. A Prefeitura vai manter o funcionamento dos estabelecimentos, de acordo com as restrições anunciadas. “Tivemos muitas reuniões para chegar a anunciar essas medidas. Temos a vontade de ter uma cidade protegida e cada vez melhor. A Prefeitura tem feito todo esforço possível e imaginável para tentar conter o crescimento do coronavírus. Não depende apenas da Prefeitura. Depende da população. Depende da conscientização pessoal de cada um. Depende de um respeito a vida que tem que estar dentro do coração e da alma”, comentou o prefeito.

Conforme live exibida no perfil da Prefeitura no facebook. Bares, restaurantes e similares, bem como o come?rcio ambulante tera?o restric?o?es de suas atividades, funcionando ate? a?s 22h, no qual está proibido mu?sica ao vivo com bandas, conjuntos ou cantores. Sendo permitido que esses estabelecimentos operem somente com metade da capacidade ma?xima do local. Respeitem o limite de quatro pessoas por mesa, e intercalem uma mesa vazia entre duas mesas ocupadas. Os ambulantes apenas quatro mesas no total. O estabelecimento que descumprir as determinac?o?es sera?o fechados.

O Sambo?dromo Municipal ficara? fechado, exceto para realizac?a?o da Feira Drive-Thru aos domingos e Cine Drive-Thru, ale?m de eventos controlados pela Prefeitura. A Prefeitura determina o fechamento das vias do Lago Artificial em dias e hora?rios alternados visando impedir aglomerac?a?o de pessoas.

Os supermercados e hipermercados precisam controlar o acesso de clientes, sendo permitido apenas um pessoa por família, de prefere?ncia fora do grupo de risco. E limitac?a?o do nu?mero de clientes a uma pessoa a cada 5m² da a?rea total de circulac?a?o do estabelecimento.

O come?rcio, lojistas e o Bebedouro Shopping tiveram seus atendimentos restringidos. Em estabelecimentos com ate? 50 m², sera? permitida a entrada de um cliente por vez. Estabelecimentos entre 50 a 100 m², dois clientes por vez. E com extensa?o superior a 100m², tre?s clientes por vez. 

Fica proibida a presenc?a de crianc?as de ate? 14 anos nos bares, restaurantes, come?rcio ambulante, supermercados, hipermercados, ac?ougues, padarias e farma?cias. Todos os estabelecimentos, incluindo escrito?rios, cli?nicas, rede banca?ria, supermercados, hipermercados, farma?cias, etc, necessitam adotar e implementar o kit de protec?a?o composto por no mi?nimo, de a?lcool em gel 70%, instalac?a?o de tapete de sanitizac?a?o nas entradas, e utilizac?a?o obrigato?ria, por parte dos clientes, de ma?scara de protec?a?o. 

A exige?ncia e fiscalizac?a?o do uso da ma?scara por parte dos clientes, colaboradores e funciona?rios cabe ao estabelecimento que devera? adotar medidas para tanto. Os estabelecimentos que na?o acatarem essas medidas recebera?o multas no valor de R$ 1.048,60, com possibilidade de lacrac?a?o imediata e cassac?a?o do funcionamento do alvara? em caso de reincide?ncia.

Está decretado o uso obrigato?rio de ma?scaras em todas as a?reas de circulac?a?o do munícipio. Ficam proibidos os eventos em salo?es de festas, edi?culas, buffets, clubes entre outros. “Tem gente que ainda não acredita nessa doença. Até acontecer com alguém da família ou muito próximo. Pode ter tudo nessa vida. O mais importante é a saúde e a vida. Claro que economia e empregos são importantes. Vamos se esforçar muito para criar um meio termo para cada parte. Não dá para deixar de reconhecer que a saúde e a vida tem que estar em primeiro lugar. Os números não são desesperadores, mas estamos em momento de reavaliar. Bebedouro demonstrou e vai continuar demonstrando equilíbrio entre Economia e Saúde nas tomadas de decisão”, concluiu o prefeito.

Além do prefeito Fernando Galvão, a live do anúncio das medidas contaram com a participação da secreta?ria de Sau?de, So?nia Junqueira, o comandante da Guarda Civil Municipal, Andre? Rosa, diretor do Departamento de Planejamento, Roge?rio Valverde e o tenente da Poli?cia Militar de Bebedouro, Gabriel Felipe. As medidas podem ser revistas a qualquer tempo, a depender da evoluc?a?o da Covid-19.

Roge?rio Valverde ressaltou que a Prefeitura utilizara? todos os meios legais para realizar a fiscalizac?a?o dessas medidas, utilizando drones para auxiliar e reforc?ar seu quadro de fiscais. “Todas as providências estão sendo tomadas para proteger a população contra o coronavírus. As pessoas precisam colaborar mantendo o isolamento social, usando máscara e saindo somente quando necessário. Os estabelecimentos comerciais também precisam respeitar as regras do decreto”.

 

Óbito - O falecimento de Nilto Berenguel, 82 anos, assistido há quatro anos no Lar do Idoso foi confirmado pela presidente Lucimara da Silva em rede social. “Alegria da casa. Foi internado no Julia desde 28/05/2020 com sintomas gripais e referindo algumas dores. Prontamente acolhido, solicitado exames, isolado, confirmado o caso de Covid-19 e tendo complicações, foi encaminhado pra Barretos. Hoje pela madrugada veio a óbito”, observou a irmã na quinta-feira (11). 

Lucimara fez mais considerações. “Nós, Irmãs Servas do Senhor, Diretoria, residentes, funcionários, e todos os amigos voluntários, visitantes agradecemos ter conhecido, cuidado, conversado e por ter tantos momentos vivido com ele. Missão cumprida. Pedimos apenas que não divulguem o que não sabem, não usem da nossa dor para fazer escândalos e muito menos pra atacar alguém. Partilhem sim de nossa vida e missão, daquilo que o Lar é, e faz na vida de todos os idosos que aqui passaram e vivem.  Nos ajudem a fazer melhor aquilo que já fazemos bem. Todos os idosos estão bem, todos os familiares estao cientes, todos queremos o fim desta situação de doença, de política e de sofrimento. Sejamos transparentes e verdadeiros. Divulguem a verdade”, finalizou Lucimara.

Segundo a secretária de Saúde, Sonia Junqueira todos os casos são atendidos pelo município, e as transferências são feitas quando necessita de UTI, ainda afirmou que as salas no Hospital Municipal são de leitos com respiradores. No momento o município busca junto ao Estado, leitos de UTI para atender pacientes com Covid-19 no Hospital Regional.   

A situação ainda gera indignação por parte de alguns munícipes, o qual uma eventual falta de vaga pode ter o tratamento interrompido, além do óbito como desfecho final.

Os vereadores Artur Henrique, Jorge Cardoso e Rogério Mazzonetto, sendo todos do DEM, protocolaram um projeto de resolução que reduz 30% os vencimentos dos vereadores durante 90 dias.

O vereador Chanel (SD) disse que se o projeto apresentado pelos vereadores do DEM for constitucional, ele apresenta uma emenda para reduzir 60% dos vencimentos dos vereadores. Ele alertou que a prática pode ser vista como populista e puramente eleitoreira, acarretando ações contra os próprios vereadores, mas que se for provada a legalidade, ele não terá problema em apontar um valor ainda menor.

Jorge fez a defesa do Projeto na Tribuna e disse que o projeto é constitucional, já que se trata de redução temporária dos subsídios dos vereadores. A proposta está tramitando no Legislativo. Leia mais na Folha da Cidade

Assunto constante no município, e que varia entre descontentamento e satisfação. Gratificações de servidores da Prefeitura e da Câmara divergem opiniões e ações em diversos mandatos.

A Folha da Cidade apresenta a versão da Prefeitura e da Câmara, respectivamente, por meio do Departamento de Recursos Humanos, representado pelo diretor Valdecir Valêncio; e Jurídico, através da Assessoria Jurídica. Ainda nessa edição tem a opinião de Lourival Basílio, presidente do Sindicato do Servidor, no qual abrange ambos os poderes. 

Valdecir esclareceu que não pode ser mais pago gratificação de representação e de comissão. E que a gratificação de função, ainda é permitida pela legislação. Segundo a Assessoria Jurídica da Câmara, as "vantagens pecuniárias" como adicionais, gratificações, e etc, aplica-se aos servidores públicos da União, Estados e Municípios, e não apenas aos servidores da Câmara Municipal, e é concedida aos servidores que preenchem os requisitos legais. Seno que situações em que servidores que ocupam o mesmo cargo recebem vencimentos diferentes em razão de vantagens pecuniárias, cujos requisitos não são igualmente preenchidos por todos. Leia mais na Folha da Cidade

 

Apesar do tempo de pandemia e das medidas de contenção divulgadas constantemente. Há quem opte pela aglomeração, o que pode contribui com a proliferação do Coronavírus. Sendo que uma edícula foi alvo de lacração e multa no final de semana pelo Rassin Dib.

Após denúncia de uma festa em edícula, a GCM (Guarda Civil Municipal) compareceu no local, e foi recebida a pedradas e garrafadas, no qual gerou dano em uma viatura. Segundo a GCM, nenhum agente ficou ferido, o autor foi detido, mas por menor de idade foi liberado pela autoridade policial. O local é conhecido como “Edícula do Chinês”. Leia mais na Folha da Cidade

60 funcionários da Frente de Trabalho, 45 estagiários, e 13 em cargos de comissão foram as demissões realizadas no quadro da Prefeitura, segundo o diretor de RH, Valdecir Valêncio. 

Os números são até o fechamento dessa edição. No qual está sujeito ao aumento em razão da pandemia, e da necessidade de conter gastos. Valdecir afirmou que as demissões foram estudadas por mais de 30 dias, com a finalidade de contenção de gastos. Ainda ressaltou funcionários de carreira poderão ocupar os cargos vagos de comissão, sendo que está em estudo.  Leia mais na Folha da Cidade

Injustos ou não, sendo que as opiniões sempre divergem. Salários da Prefeitura e Câmara, no qual envolvem servidores, vereadores, prefeito e vice, é assunto constante na cidade em qualquer época. Atualmente fomos bastante requisitados para publicar o assunto, sendo que muitos leitores e eleitores não sabem consultar os valores no Portal da Transparência. 

Alguns salários expostos nessa matéria estão registrados no Portal da Transparência da Prefeitura e da Câmara. Interessados em conferir com mais detalhes, basta acessar os respectivos sites de cada Poder. De imediato deixamos bem claro, que até o fechamento dessa edição, a Prefeitura contava com 2.606 funcionários, incluindo cargos de todos os escalões, prefeito e vice, e a Câmara com 50, somando servidores e vereadores.  

Vale enfatizar que a presente divulgação, respalda-se na Lei do Acesso à Informação, que regulamenta o direito constitucional de acesso dos cidadãos às informações públicas. Expor servidores do Executivo e Legislativo com a finalidade de promover conflitos com a população, ao menos da nossa parte está fora de cogitação. Leia mais na Folha da Cidade

FCTV Web