Assassinato de estagiária segue sendo investigado

Estagiária de Medicina na ESF Ricardo Dias de Toledo, Jardim Sanderson. Suhelen Calderon Cortez, boliviana, 30 anos foi assassinada na tarde de quarta-feira (28) dentro do carro na Rua Argentina, após ser baleada seis vezes quando saia da unidade.

A suspeita é que os tiros tenham sido disparados em razão de o autor não aceitar o fim de um relacionamento, no qual fugiu em outro veículo, e ainda não havia sido localizado até o fechamento de edição. Era solteira, filha de Herman Calderon Cruz e Marisol Cortez Avalos. Residia no bairro Ribeirânia em Ribeirão Preto.  Imagens de segurança foram entregues a Polícia Civil, onde devem ajudar na identificação do suspeito durante a investigação. A Rua do homicídio foi isolada para o trabalho da perícia. Leia mais na Folha da Cidade

FCTV Web