Casas no São Carlos serão habitadas em 2019

Tipografia
Segundo o diretor de Habitação, Mario Sá, as 235 casas do Jardim São Carlos no extremo sul está com o cronograma atrasado, no qual a evolução física da obra está chegando em torno de 17%. O diretor enfatizou que pelo fato de a obra estar atrasada não haverá inscrição e nem entrega das casas em 2018. O bairro passará a ser habitado entre o fim do primeiro e início do segundo semestre de 2019, caso não houver imprevistos, de acordo com Mario. A obra que iniciou em maio de 2016 está sendo viabilizada mediante convênio com a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano). Ele afirmou que a empresa enfrentou dificuldades financeiras. Sendo que a Construtora em questão é a ISO de São Paulo. Leia mais na Folha da Cidade

FCTV Web