Os vereadores de forma unânime foram contrários ao Projeto de Lei 67/2019,que altera a planta genérica reajustando o IPTU Imposto Predial e Territorial Urbano. No qual, o vereador Chanel estava ausente e o presidente Tota, por força do regimento apenas vota em desempate, sendo ambos do mesmo parido.

Apesar de reconhecerem a importância do reajuste, os vereadores concordaram que não é o momento adequado para a atualização. “Quando revisa a Planta Genérica implica em aumento de imposto. O valor venal dos imóveis estão defasados. Revisar a Planta Genérica é importante porque vai gerar em torno R$ 5.2 milhões a mais de impostos lançados no cadastro da Prefeitura. Acontece que estamos diante de uma situação onde a população não está tendo o devido atendimento em serviços prestados pela Prefeitura. É precário. Nada justifica aprovar esse projeto. Leia mais na Folha da Cidade

O Procon de Bebedouro, que fica na Praça Abílio Manoel, 124, ao lado do prédio da Unidade de Saúde Central registrou quase 3 mil reclamações, segundo a diretora Sueli Aparecida Maia.

Ela informou que as reclamações abrangem as áreas de assuntos financeiros, essenciais, privados, Saúde e Habitação. Os telefones são 17- 3342-2229 e 3345-3479. Horário de atendimento de segunda a sexta-feira das 11h às 16h. Sendo que entre a Telefonia Móvel e Fixa houve aproximadamente 1 mil reclamações. No qual a móvel lidera em torno de seis a sete anos. Leia mais na Folha da Cidade

Compras, festas e viagens compõem o cenário do final de ano. Porém, a preocupação com objetos, imóveis e dinheiro passam desapercebido. O que pode facilitar ação de criminosos. Para evitar aborrecimentos, a nossa reportagem conversou com o comandante da GCM (Guarda Civil Municipal), Luiz André Rosa Junior.

Como base na experiência de atendimentos, os criminosos aproveitam as casas vazias em período de festividades para praticarem os furtos, segundo André. Leia mais na Folha da Cidade

A equipe bebedourense Kung Fu Garra de Águia teve o seu desempenho destacado pelo professor Claudimar Oliveira, que resumiu a temporada atual, e falou dos objetivos para 2020, a nossa reportagem.

Ele falou das participações das competições e eventos nesse ano, sendo que deverá realizar exame de graduação em meados de junho. Ainda relatou que sua maior dificuldade é a falta de patrocínio, na qual as suas aulas são gratuitas, e que não tem como arcar com todas as despesas como compra de material e participações em eventos e campeonatos, principalmente com valores de inscrições e viagens.  

Interessados em conhecer, participar e ajudar podem comparecer pessoalmente na Feccib Velha, ArtSol ou ligar no 17-99129-8912. Leia mais na Folha da Cidade

Altas temperaturas levam o ser humano a frequentar ambientes aquáticos. O que de fato demanda cuidados. Como alternativa de orientação preventiva, a Folha da Cidade procurou o Corpo de Bombeiros, no qual o tenente Wellington Ferreira da Silva em virtude de um compromisso fora do município direcionou a nossa reportagem ao sargento Joaquim Lima de Souza, “Bacaninha”.

Aproveitamos a ocasião para reforçar a gratidão para ambos. “Temos registrado algumas ocorrências de afogamento em piscinas. Nessa época do ano, principalmente, que é de confraternização entre as famílias, e geralmente vão onde tem piscinas. E pode confirmar o que estou falando. A maioria das pessoas que tem piscina não tem nenhum treinamento de afogamento ou de primeiros socorros”, disse Joaquim. Leia mais na Folha da Cidade

Da segunda-feira (16), até o dia 23, a Associação de Artesãos de Bebedouro promove a Feira Bebedouro das Artes das 18h às 22, na Praça Carlos Gomes, conhecida como “Praça do Museu” ao lado do Museu de Bebedouro.

Representando a Associação, Maria do Carmo Magnani Paro, presidente; Andréa Lima, secretária; e Regina Sarri, tesoureira atenderam a nossa reportagem na Loja Bebedouro das Artes, localizada no Centro Comercial Julien Mutton, box 10, Mercado Novo, na Avenida Pedro Paschoal, 700, telefone 17-99269-4895. Facebook e Instagram, Bebedouro das Artes. No qual interessados em conhecer, adquirir, associar-se e sugerir parcerias poderá fazer contato.  “Food truck, e no dia 21 tem a chegada do Papai Noel às 19h. Leia mais na Folha da Cidade

Os vereadores aprovaram em sessão extraordinária na segunda-feira (2), o financiamento no de R$ 3.751.036,75 para contratação da pavimentação das ruas do bairro Pedro Paschoal e para recapeamento asfáltico da Rua Vasco Gigliolli, Jardim Centenário.

Antes e depois da aprovação, a insatisfação e a desconfiança tomaram conta do assunto por parte de vários munícipes, sendo que há anos, o cenário é composto por poeira, sujeira, lixo, entulho, lama e pedras soltas, no qual o projeto não saia do papel em razão da politicagem alegada. Em resumo, a confiança e a satisfação será manifestada entre o início e o término de ambas as obras, que de fato são anseios antigos, além de objetos de várias publicações da Folha da Cidade.  Leia mais na Folha da Cidade

A renovação antecipada da concessão ferroviária da Malha Paulista da Rumo Logística foi aprovada em sessão plenária do TCU (Tribunal de Contas da União) no último dia 27. Sendo que o contrato a ser vencido em 2028 se estendeu até 2058, no qual mais 30 anos. 

A reativação foi anunciada em 2017, e o ramal ferroviário beneficiado passa por Bebedouro, Colômbia e Pradópolis. A antecipação de investimentos de R$ 5.8 bilhões que foi proposto com acesso direto ao Porto de Santos consiste em grande parte da produção agrícola de Mato Grosso (MT). Leia mais na Folha da Cidade

A obra da galeria do Jardim Eldorado teve outra paralisação em razão da falta de repasse do Governo Federal. O retorno da Montesanto estava previsto para a manhã de quinta-feira (5), porém, a continuidade da fase final depende da formação do tempo.   

O Governo Federal comunicou que tinha liberado o repasse de R$ 220 mil, segundo o diretor de Obras, Gilmar Feltrin. “A Caixa não comunicou a gente desse repasse para fazer a nota e fazer o pagamento da medição que já foi feita e está parada até agora. São dois trâmites, o Ministério do Desenvolvimento e a Caixa. Inclusive já tem outra medição protocolada na Caixa. Estamos aguardando o desembolso do próprio Ministério, que é acima de R$ 100 mil”, diz Feltrin. Leia mais na Folha da Cidade

A inauguração do campo society, playground e revitalização das áreas externas e internas da EMEB “Stélio Machado Loureiro” foram apresentadas pela Semeb (Secretaria Municipal de Educação de Bebedouro), por meio da direção da escola na manhã de quarta-feira (3).

A escola está estabelecida na cidade há 67 anos. Atualmente atende 510 alunos, sendo 40% destes alunos residentes na zona rural e assentamento, 30 alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos) e um grande público de crianças que apresentam deficiências física, visual, auditiva, intelectual e espectro autista.

A obra consistiu em melhorias na construção de refeitório; playground; reforma e adequação na recepção/secretaria; troca de pisos; reparos na parte elétrica; acessibilidade; serviços de jardinagem, pintura, entre outras.

 

FCTV Web