Durante a Sessão Ordinária da Câmara Municipal, os vereadores aprovaram nove projetos: seis requerimentos e três moções, sendo que entre os projetos pode-se destacar o nº 44/2013, que dispõe sobre a criação da Imprensa Oficial Eletrônica, também conhecida como Diário Oficial Eletrônico de Bebedouro, e de acordo com o artigo 7º do projeto, as publicações e divulgações serão feitas de segunda-feira a sexta-feira, exceto nos feriados nacionais, estaduais e municipais, havendo a exceção no parágrafo único do referido artigo, publicações excepcionais, no caso de relevante interesse para a administração pública municipal ou do Poder Legislativo.

A aprovação da Imprensa Oficial contou com a abstenção dos vereadores Freitas (PT) e Nasser (PV), que por diversas vezes utilizaram a Tribuna para defender seus posicionamentos, afirmando que eram a favor da aprovação do projeto, mas solicitavam adiamento da votação para a próxima sessão ordinária.

Após encontrar um homem em estado de decomposição, na manhã de terça-feira (2), na antiga Estação Ferroviária, a Folha da Cidade deparou com problemas que afetam as áreas da Saúde, Economia e Segurança de Bebedouro.

Desde o término das atividades da linha férrea, há algumas décadas, a economia e segurança do município sofrem com o descaso do poder público, que vem de longa data. Embora o ambiente, que fica na avenida dos Antunes, 185, desfrute com o comércio de pequenas empresas, e atividades culturais, educacionais, religiosas e esportivas, vale lembrar que vagões abandonados, moradia irregular, consumo de entorpecentes, bebida alcoólica, prostituição, criminalidade e falta de limpeza compõe o cenário do próprio local, situação que segundo o coordenador da Cultura, Glauco Correa, requer a reunião com os responsáveis para que as devidas providências em relação aos vagões que se encontram abertos e fora da Estação sejam tomadas.

De acordo com o irmão da vítima, o rapaz de 52 anos foi internado há algum tempo devido a uma convulsão, estava entregue a bebida, e decidiu optar por esse tipo de vida.

Com o objetivo de oferecer novos cursos que atendam às necessidades do atual mercado de trabalho, a Faculdade Municipal de Bebedouro - Imesb, a partir do mês de julho, oferecerá durante o vestibular a opção de novos cursos: Engenharia de Produção, e Arquitetura e Urbanismo, para que as aulas semestrais, nos períodos diurno e noturno, possam ter início a partir de agosto.

A diretora, Luciana Sene, lembra que tal conquista foi novamente solicitada desde setembro de 2010, ocasião em que esses dois cursos já estavam autorizados, desde 2000, quando também ocupou o cargo na direção da autarquia.

De acordo com a vice-diretora, Vanda Burjaile Romeiro, a expectativa de adesão aos novos cursos é alta e já teve início, observando a grande carência desses profissionais no mercado de trabalho, e enfatizando que uma das vantagens será o acesso ao currículo dinâmico de qualidade com baixas prestações.

Sob o tema “Um olhar através da Convenção da ONU sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência: Novas Perspectivas e Desafios”, foi realizado o Encontro Regional da Pessoa com Deficiência, na manhã de quarta-feira (3), no anfiteatro do Imesb.

Funcionando como sede em Bebedouro desde 2004, o Núcleo IX é composto por 42 cidades e abrange as regiões de Barretos e Franca. O objetivo do evento foi discutir e aprovar propostas que serão levadas para o 16º Seminário Estadual, a ser realizado em São Paulo, no dia 3 de julho de 2013. Durante o Encontro Regional, foi definida a escolha de três delegados que concorrem a vagas de secretário estadual, e de forma provisória, houve uma eleição que posteriormente deverá representar o IX Núcleo.

Segundo informações do Departamento Municipal de Tráfego, dos aproximadamente 180 mototaxistas em atividade na cidade, apenas 20 estão devidamente regulamentados de acordo com a Lei Federal 12.009, de 29 de julho de 2009; Lei Municipal 4.211, de 14 de setembro de 2010; e o Decreto Municipal 9.798, de 3 de agosto de 2012.

De acordo com a diretora do DMT, Maria Aparecida Zucatelo Penna, até o momento nenhum motofretista ou motoentregador tomou as medidas para essa regulamentação, que é necessária, porque com a existência dessas leis, essa adequação é uma necessidade e o departamento está aberto para essas negociações. Essa situação incomoda os mototaxistas já regulamentados, que se mostram insatisfeitos com a liberdade dos que ainda trabalham na ilegalidade.

Aprovado no Poder Legislativo, na noite de segunda-feira (25), por unanimidade, um projeto do Poder Executivo dispôs a criação do CMPA (Conselho Municipal de Proteção dos Animais), e do Funprovida (Fundo Municipal de Proteção à Vida Animal) em Bebedouro.

Embora o Projeto de Lei 47/2013 tenha vindo pelo Executivo, a sugestão do conteúdo é de autoria do vereador Chanel (PDT), por meio de um antiprojeto enviado ao prefeito por meio da Indicação 66/2016, que também teve a Emenda Modificativa 01/2013, que recebeu aprovação unânime na Câmara.

Em cumprimento ao Requerimento 16/2013, de autoria do vereador Chanel (PDT), foi realizada, na noite de terça-feira (26), uma audiência pública na Câmara para discutir meios de solucionar o problema originado pelas enchentes causadas pelo temporal do último dia 10 de fevereiro.

Além do autor do documento, os também os edis Paulo Bola (PTB), Ângelo Daólio (PSDB), Eng. Nasser (PV), e democratas Beto Mazzeu e Sebastiana Camargo, estiveram presentes para dialogar a situação com a Defesa Civil e demais autoridades envolvidas profissional e voluntariamente na causa.

Políticos, assessores, entidades, órgãos de segurança e deficientes lotaram as dependências do anfiteatro do Imesb para prestigiar a 4ª Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania, na manhã de ontem (22).

O evento, que percorre todo o Estado de São Saulo, teve abertura em Bebedouro, e visa dialogar e disseminar políticas públicas na causa da pessoa com deficiência. Além da prefeitura, a organização ficou por conta da Secretaria Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, em parceria com a Uvesp (União dos Vereadores do Estado de São Paulo), que tem o apoio do Conselho Estadual para assuntos da pessoa com deficiência.

Com o objetivo de não prejudicar o transporte público para a população, em caráter emergencial, a empresa Rápido D’Oeste, de Ribeirão Preto, ficou responsável pela realização do transporte urbano na cidade, até que após o término de 90 dias seja realizada uma nova licitação para o transporte público.

Até a segunda-feira (18), o trabalho era prestado pela empresa EBTU, mas após uma série de problemas burocráticos que se estendem desde a gestão anterior, o proprietário da empresa, Antônio Adade, e atual prefeitura, entenderam por bem revogar o decreto que autorizava a empresa a trabalhar na cidade.

Para comemorar o mês da mulher, o ICDH (Instituto de Compromisso com o Desenvolvimento Humano) realizou, na manhã de sábado (16), pelo 2º ano consecutivo, a Caminhada "Pense Rosa", no centro da cidade, em prol da prevenção do câncer de mama.

Além de mobilizar milhares de pessoas, a ação chamou a atenção da sociedade sobre a importância de realizar o exame de mamografia regularmente. A caminhada divulgou também a chegada da Carreta de Prevenção do Hospital de Câncer de Barretos, onde serão realizados exames de mamografia e Papanicolau, de 18 de março a 29 de maio. A diretora executiva do ICDH, Denise Marconi, e o médico e vice-prefeito Rômulo Cesar Camelini agradeceram o apoio de todos. O assunto foi explanado segunda-feira (18), no Poder Legislativo, pelo médico e vereador Dr. Tiago (PCdoB).

FCTV Web