Motivação e o fantasma do 7x1

Assim como os grandes nomes do futebol brasileiro, o placar da última Copa não será esquecido. O medo de o episódio se repetir se mistura à torcida para que neste ano os jogadores estejam mais preparados. O que quase ninguém fala, é o desapontamento e o desespero dos jogadores, que diante do mundo todo, decepcionaram seu país. Como chegar motivado neste Mundial após tantas piadas (de todos os países) sobre o gol da Alemanha?

O preparo emocional é tão importante quanto o preparo físico dos atletas, considerando o ambiente de cobrança no qual vivem. Eles podem ganhar milhões, mas a responsabilidade também é maior, assim como a plateia para a qual exibem seu sucesso ou fracasso. Não há como esconder o placar de um jogo transmitido ao vivo, assim como não é possível se esconder a todo momento do público. Os atletas precisam assumir suas falhas.

Em 1958, o Brasil era o único país que havia levado um psicólogo juntamente com a equipe da seleção. Foi também o ano no qual o Brasil conquistou seu primeiro título mundial. A pressão psicológica após a derrota para o Uruguai em 1950 fez com que o treinador repensasse sobre o preparo (também) emocional dos atletas. E deu certo, tanto que o país se despontou nos demais jogos, sendo o único pentacampeão.

A Psicologia do Esporte tem como foco a motivação, o trabalho em equipe e a pressão vivida pelos atletas. O trabalho deve ser contínuo para ter resultados desde curto até longo prazo. É preciso trabalhar pessoas, na sua maioria jovens, que têm como sonho jogar na Seleção Brasileira e carregar consigo o “dever” de fazer valer a convocação. Quanto maior o peso da responsabilidade, maior o nervosismo, a ansiedade e o medo de errar.

Para o hexa, os jogadores precisam se sentir capazes de vencer, e a motivação precisa ser tanto extrínseca (vinda de fora, como do apoio da torcida e do treinador), quanto intrínseca (vinda deles mesmos, da própria força de vontade). O título é apenas uma consequência de uma equipe motivada que sabe trabalhar com dinamismo, preparo físico e emocional e foco. 

 

Para dúvidas, críticas e sugestões, escrevam para: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Psicóloga - Renata Seren 

FCTV Web